Destaque
Matérias Recentes

O CEO 'PREMIUM' e suas fases de trabalho.

Os CEOs adoram planejar estratégias. De fato, o desenvolvimento da estratégia é o coração da liderança executiva. Infelizmente, a maioria das empresas acaba criando estratégias desconectadas das suas operações reais. O resultado? Estratégia que não é estratégica, pois as empresas são incapazes de implementá-la. Os especialistas em estratégia Robert S. Kaplan e David P. Norton, criadores do Balanced Scorecard e dos Mapas Estratégicos, desenvolveram um programa versátil em seis fases que sua empresa pode utilizar para integrar a estratégia com a execução operacional. Essa abordagem já funciona em várias organizações de ponta.

Fase 1: Desenvolva a estratégia O planejamento estratégico requer uma mentalidade onde “as coisas mais importantes estão em primeiro lugar”. Primeiramente esclareça a missão da empresa (finalidade), elucide os seus valores (como ela cumpre a missão) e destaque a sua visão (aspiração futura). Depois de estabelecer ou reafirmar estas preocupações centrais, conduza análises estratégicas, tais como as tendências da indústria ou iniciativas dos seus concorrentes.

Fase 2: Planeje a estratégia Após formular a sua estratégia, planeje a forma de realizá-la. Traduza os seus objetivos estratégicos em metas e iniciativas específicas, ou seja, planos de ação a curto prazo. Crie um “mapa estratégico”, representado por um gráfico de fácil compreensão em uma única página. Isso pode ajudar você a visualizar seus objetivos estratégicos, as ações que vão ser tomadas e os recursos necessários. Organize o seu mapa estratégico de acordo com “temas estratégicos”, ou áreas de enfoque que mostram os principais componentes da sua estratégia.

Fase 3: Alinhe a organização com a estratégia O próximo passo é garantir que todos os seus departamentos e funcionários compreendam e apoiem a sua estratégia. Isso não é fácil. Inúmeras barreiras impedem o sucesso da implementação. Para alinhar a estratégia e a execução operacional, utilize seus mapas estratégicos para explicar sua estratégia de forma visual e quantitativa. Compartilhe-os com cada unidade, na sequência de um processo “de cima para baixo” que utiliza seus mapas estratégicos executivos como input, orientando todas as operações e unidades de apoio. Estas unidades podem criar mapas estratégicos derivados e scorecards para fazer com que seus esforços se encaixem nos objetivos da empresa.

Fase 4: Planeje as operações Identifique quais são os seus processos essenciais para que possa focar seus esforços de melhoria em atender as suas metas estratégicas. Não perca tempo e recursos em aprimorar processos que não sejam de vital importância estratégica, como a manipulação da folha de pagamento. Conforme você for desenvolvendo melhores práticas, comunique com clareza esse conhecimento adquirido para todos os seus departamentos. Fase 5: Monitore e aprenda Monitore regularmente o desempenho para assegurar que a empresa esteja cumprindo seus objetivos estratégicos e que as operações estejam avançando como planejado. Programe reuniões regulares para analisar dados sobre as dificuldades operacionais e verificar as atividades e programas de melhoria. Diferencie as reuniões de análise da operação das reuniões de análise operacionais da estratégia. As reuniões de análise da operação são reuniões periódicas dos departamentos para verificar o desempenho financeiro e operacional de curto prazo. Utilize as reuniões de análise da estratégia para garantir que a execução estratégica segue conforme o planejado. Fase 6: Teste e adapte a hipótese estratégica Em algum momento pode ser que sua empresa precise ajustar ou alterar a estratégia, talvez devido a novas informações, oportunidades emergentes, déficit de desempenho ou mudanças regulatórias e da concorrência. Convoque uma “reunião de teste e adaptação da estratégia” para examinar ajustes e determinar se a estratégia funciona bem e continua válida. Examine todas as possíveis falhas estratégicas. Converse com os colaboradores da linha de frente para obter opiniões e percepções sobre a viabilidade da estratégia. Adaptações estratégicas ou mudanças geralmente são tratadas na reunião anual de revisão da estratégia, mas em certos casos pode ser necessário reunir-se a cada três meses, especialmente nas empresas em rápida transformação, como as de TI.


Archive
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Acesse sua genialidade e torne-se um Coach no Brasil e no mundo.

Coaching, Liderança, Treinamentos
 

Acesse sua genialidade e torne-se um Coach no Brasil e no mundo.

Coaching, Liderança, Treinamentos

O plano perfeito para a liderança de executivos e condução de empresas.

SOLICITE ATENDIMENTO.

EM TODO O BRASIL.

A ESCOLA QUE MAIS TREINA LÍDERES E EXECUTIVOS NO BRASIL.

Central de Atendimento Personalizado

 

São Paulo

Alameda Santos, 1123  - Cerqueira César. 

CEP: 01419-001 - São Paulo, SP

atendimento@actcoaching.com.br

11 40637043

 

Central Administrativa

Goiânia

Rua João de Abreu, Ed. Euro Working,

12. Andar - Setor Oeste.

Goiânia-GO, CEP: 74120-110

atendimento@actcoaching.com.br

62 39540455

0800 006 8333
ATENDIMENTO EM TODO O BRASIL
SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS:
  • Instagram
  • Facebook Clean
  • White YouTube Icon